Mesmo com pandemia, Goiás registra mais de 1.170 mortes no trânsito este ano

Gerente de Educação do Detran-GO fala no TBC2 sobre as ações educativas  promovidas em alusão ao Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito, celebrado neste domingo, 15 de novembro

Somente em 2020 os acidentes de trânsito causaram a morte de mais de 1.170 pessoas em Goiás, de acordo com dados do Detran-GO. Conscientização é a palavra de ordem para mudar esse quadro. O Governo do Estado, por meio do Detran-GO, dedica esta semana à realização de ações para levar informações ao público.

Em alusão ao Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito, celebrado neste domingo, 15 de novembro, o Detran-Go está promovendo campanhas nas redes sociais e atividades educativas. Para falar sobre os perigos do trânsito e o esforço do governo em conscientizar a população, a gerente de Educação do Detran-GO, Pablynne de Carvalho, esteve no estúdio do TBC2 nesta quarta-feira, 11.

Ela conversou com os apresentadores Danuza Azevedo e Guilherme Rigonato. De acordo com Pablynne, o número de mortes no trânsito registrado este ano no Estado é “preocupante”. Por isso, o Detran aderiu a essa campanha mundial, para tentar conscientizar as pessoas sobre o trânsito, afirmou.

O apresentadores Guilherme Rigonato e Danuza Azevedo e a gerente de Educação do Detran-GO, Pablynne de Carvalho

Ações

A gerente informou que, começou nesta quarta-feira, 11, a exposição de um carro acidentado em frente à sede do Detran, no setor Cidade Jardim. Servidores da autarquia atuaram, através da Balada Educativa, com faixas e banners, tentando chamar a atenção de pessoas que passaram no local.

Nesta quinta-feira, 12, o Detran promove campanha educativa, em parceria com a Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade (SMT) da Prefeitura de Goiânia, no Parque Vaca Brava. A semana será finalizada com a participação de pessoas vítimas de acidente de trânsito. Elas vão participar de um evento educativo no Detran.

Conforme Pablynne, os motociclistas serão foco de nova campanha educativa do Detran. Mas ressaltou que os cuidados no trânsito devem abranger todos os envolvidos – motoristas, motociclistas e pedestres. E citou que atualmente uma das infrações mais comuns é dirigir usando o telefone celular.

Confira a entrevista na íntegra:

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.