Titulares da Semad e Emater Goiás abordam sustentabilidade e gestão hídrica

Gestão hídrica e atuação da Pasta do meio ambiente, assim como a ação da autarquia no apoio aos produtores rurais goianos foram outros temas abordados no programa

Sustentabilidade foi o tema principal abordado na edição do programa Boa Noite Goiás desta quarta-feira, 9. O jornalista Paulo Beringhs recebeu, no estúdio da TV Brasil Central, a secretária de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), Andréa Vulcanis; e o presidente da Emater, Pedro Leonardo Rezende.

Segundo a titular da Semad, “sustentabilidade é tudo que rege qualquer atividade humana que se alonga no tempo com garantia de se persistência.” Ela falou da atuação ampla da Pasta, a qual trata dos licenciamentos ambientais, outorga do uso de água, fiscalização, monitoramento e gestão das unidades de conservação. Destacou que a Secretaria visa garantir que as ações de utilização dos recursos naturais sejam feitas de forma equilibrada.

Andréa Vulcanis ressaltou a importância do bioma Cerrado como berçário das águas do País e seu processo de devastação. Citou que, este ano, o governo federal alertou que pode faltar energia devido à escassez de água para a produção das hidrelétricas. “Isso passa por Goiás, se a gente não cuidar”, afirmou. Falou também sobre a previsão de escassez hídrica na Região Metropolitana de Goiânia neste período de estiagem e os cuidados que estão sendo adotados em relação à Bacia do Rio Meia Ponte.

Conforme a secretária, já há resultados muito propositivos na gestão hídrica do Estado, pois nem 2019 e nem 2020 faltou água em Goiânia e nem na maioria das cidades goianas, afirmou. Isso ocorreu devido à gestão dos recursos hídricos, que hoje é feita pela Semad, junto com vários parceiros, como Emater, Secretaria da Agricultura e Saneago.

A titular da Semad lembrou que estamos na Semana do Meio Ambiente e em Goiás foi adotado o tema “Restauração de ecossistemas”. Informou que o Estado possui hoje o maior programa de restauração de bacia hidrográfica do mundo, que é o Juntos pelo Araguaia. Falou ainda sobre fiscalização, implantação do laudo de infração eletrônico, dos aplicativos para receber denúncias e Plante GO, esse visando incentivar o plantio de árvores; além de licenciamento ambiental, e abastecimento de água de Anápolis e Goiânia.

Emater

O presidente da Emater Goiás, Pedro Leonardo Rezende, abordou o processo de reestruturação da autarquia, que atua na pesquisa e extensão rural e tem como público prioritário os agricultores familiares goianos. Ele anunciou que ainda este mês será inaugurado o Complexo de Inovação Rural da Emater, que abrange a nova sede administrativa, um complexo de quatro laboratórios, uma agroindústria e um grande centro de capacitação conjugado com uma estrutura de alojamento.

Pedro Leonardo informou que a autarquia lançou a segunda versão do aplicativo Emater Mob. E convidou os proprietários rurais goianos a baixá-lo para obter mais facilidade de acesso aos seus serviços, que inclui apoio de seus técnicos para os agricultores familiares pleitearem crédito rural junto ao Plano Safra do governo federal.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.