TCE sugere aprovação das contas de 2019 do governo estadual

Superintendente Contábil da Secretaria de Economia, Ricardo Borges comentou a decisão no telejornal TBC 1

A apresentadora Eva Taucci e o superintendente Contábil da Secretaria de Economia, Ricardo Borges, nos estúdios da TBC

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) sugeriu nesta segunda-feira, 13, a aprovação das contas do Executivo no exercício de 2019, primeiro ano de mandato do governador Ronaldo Caiado. A aprovação unânime foi anunciada pelo presidente do TCE, Celmar Rech. O documento segue agora para a Assembleia Legislativa, a quem cabe aprovar ou não a prestação de contas do governo.

O Balanço Geral do Estado entregue ao TCE em maio demonstrou o superávit em R$ 523 milhões nas contas de 2019. O colegiado do tribunal corroborou o relatório favorável à aprovação apresentado pela conselheira Carla Santillo. O relatório traz 17 determinações e quatro recomendações ao governo para serem cumpridas ao longo deste ano.

Para comentar a decisão do TCE, o telejornal TBC 1 da TV Brasil Central recebeu nesta terça-feira, 14, o superintendente Contábil da Secretaria de Economia, Ricardo Borges. Ele conversou com a apresentadora Eva Taucci e explicou a importância da aprovação das contas pelo tribunal.

“A prestação de contas do governo quando recebe esse parecer prévio favorável à aprovação do tribunal, representa que o governo realizou aquilo que pretendia, que ele cumpriu as suas obrigações constitucionais e também buscou os princípios da transparência, da impessoalidade, da imparcialidade e do menor gasto público”, comentou o superintendente da Secretaria de Economia.

Confira a entrevista completa:

ABC Digital