Secretário de Goiânia diz ao TBC 1 que decreto de fechamento do comércio pode mudar

Walisson Moreira informa que medida terá como base baixo índice de adesão ao isolamento social e capacidade de assistência da rede hospitalar na capital

A apresentadora Michelle Bouson e o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia, Walisson Moreira, nos estúdios da TBC

Depois de aderir ao decreto de escalonamento intermitente proposto pelo governo estadual, a prefeitura de Goiânia estuda alterar o próprio decreto que definiu pelo fechamento temporário do comércio na capital. A informação foi dada nesta quarta-feira, 8, no telejornal TBC 1 pelo secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetec), Walisson Moreira.

Em entrevista por videoconferência à apresentadora Michelle Bouson, Moreira confirmou a intenção do prefeito Iris Rezende de promover um esquema diferente do proposto pelo governador Ronaldo Caiado. “O desejo do prefeito é que consigamos abrir com segurança e se for possível que não fechemos mais até que passe a pandemia”, disse Moreira.

Para isso, segundo ele, a prefeitura pretende estabelecer novos protocolos baseados em notas técnicas da Secretaria de Saúde para mudanças de horários de funcionamento, por exemplo. Moreira diz ainda que não há a intenção de ampliar os setores já contemplados em decretos anteriores de funcionamento.

O secretário municipal justifica a medida com base no baixo índice de adesão ao isolamento social, o que seria pretendido no novo decreto estadual em vigor. Moreira acrescenta também que a rede pública municipal de saúde da capital tem conseguido prover leitos de tratamento dos infectados pela doença. 

Confira a entrevista completa:

ABC Digital