Roda de conversa discute o papel da mulher na sociedade

Encontro promovido pelo Governo de Goiás trouxe mulheres atuantes nas políticas públicas para a discussão

O Governo de Goiás promoveu na última sexta-feira (3), no auditório Mauro Borges do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, roda de conversa em homenagem do Dia da Mulher. O evento foi realizado para servidoras e contou com a presença de gestoras de várias pastas e mulheres atuantes nas políticas públicas. Foi o que mostrou reportagem veiculada no Jornal Brasil Central de sábado (4).

A intenção foi incentivar mais mulheres a seguirem por esse caminho. “É necessário estar no meio político enquanto mulher quilombola e negra. Se a gente não pautar e mostrar a necessidade da ponta, os projetos não chegam a quem precisa”, disse a articuladora de política Quilombola, Lucilene Kalunga. Para a titular da Deam, Ana Elisa Gomes, as mulheres “sempre viveram em situação de subordinação e vulnerabilidade e o Estado deve promover políticas públicas que deem independência e condição de sustentabilidade para que essa mulher, quando se ver vivendo uma relação abusiva, tenha condições de se afastar e refazer sua vida”.

A roda de conversa trouxe como tema “Mulheres nas políticas públicas: por que isso importa?” e foi mediada pela gerente de Fomento ao Audiovisual e Criatividade da Secult, Mazé Alves. Participaram convidadas expoentes na vida pública e em cargo de gestão: a titular da Deam, Ana Elisa Gomes, a superintendente de Vigilância em Saúde da SES/GO, Flúvia Amorim, a articuladora de política Quilombola, Lucilene Kalunga, a deputada estadual Vivian Naves, a vereadora Aava Santiago, a presidente do Conen, Ana Rita de Castro e a superintendente da Secretaria da Retomada, Leandra Adriano de Assis.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.