Projeto de ônibus elétricos no Eixo Anhanguera avança na Metrobus

Licitação que vai substituir os 114 veículos da frota já está em andamento, com previsão de chegada das primeiras unidades no segundo semestre deste ano

A Metrobus, empresa que opera o transporte público no Eixo da Avenida Anhanguera na capital, segue realizando testes com o ônibus elétrico que deve substituir a frota que serve à população da região metropolitana. Francisco Caldas, presidente da companhia, participou dos testes e se mostrou satisfeito com o resultado observado até agora.

Em entrevista ao Jornal Brasil Central, Caldas disse que o governo já prepara a licitação que vai adquirir 114 ônibus elétricos para o Eixo Anhanguera, o que vai significar a substituição de toda a frota. “Já testamos o ônibus em todas as nossas linhas e extensões, testamos no carregamento, no pátio, com e sem passageiro e as expectativas têm sido as melhores possíveis”, disse o dirigente da Metrobus sobre o modelo elétrico em teste.

A previsão é de que as primeiras unidades comecem a rodar na cidade no segundo semestre. Os ônibus são completamente movidos à bateria, são silenciosos, possuem assentos confortáveis, ar condicionado e carregadores do tipo USB para os passageiros. Segundo a fabricante do veículo, cada ônibus elétrico deixa de emitir cerca de 110 toneladas de gás carbônico por ano.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.