Produção agropecuária de Goiás deve render R$ 108 bilhões neste ano

Estimativa de alta de 3,7% no VBP é do Ministério da Agricultura e deve levar o estado à quinta posição nacional nesse ranking

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de Goiás deve experimentar uma alta de 3,7% neste ano, atingindo o total de R$ 108,8 bilhões. A estimativa é da área técnica do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. O resultado colocará Goiás na quinta posição nesse ranking no país, atrás do Mato Grosso, São Paulo, Minas Gerais e Paraná.

Em entrevista ao Jornal Brasil Central desta terça-feira (26), o secretário estadual de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tiago Mendonça, ressaltou a alta como símbolo da força do agronegócio goiano. “Esse dado representa o quanto Goiás está crescendo economicamente e gerando emprego. Quanto maior esse dado, mais gera emprego. E Goiás ainda tem muita área para ser aproveitada”, disse Mendonça.

De acordo com a estimativa, a maior contribuição para o resultado do VBP goiano deve vir da agricultura, com R$ 77,4 bilhões. O valor supera em 9,6% o resultado do ano passado, puxado principalmente pelos desempenhos da soja (+5,8%), tomate (+40,2%), milho (+8,6%) e cana-de-açúcar (+10,6%). A pecuária goiana, por outro lado, deve registrar retração de 8,3% em seu VBP, saindo de R$ 34,3 bilhões em 2021 para R$ 31,4 bilhões em 2022.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.