Postos devem diminuir preços de combustíveis nos próximos dias

Márcio Andrade, presidente do Sindiposto, acredita que a redução do ICMS em Goiás irá tornar o estado competitivo e logo deve refletir na baixa dos preços dos combustíveis

Clique na imagem para assistir a matéria

O presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Goiás (Sindiposto), Márcio Andrade, concedeu entrevista exclusiva para a equipe da TV Brasil Central, exibida no Jornal Brasil Central Edição da Noite desta terça-feira (28). Ele comentou que a redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) em Goiás deve refletir rapidamente na redução do preço da gasolina, etanol e diesel. "A adequacação do estado de Goiás à legislação federal, que estabeleceu um teto máximo para a cobrança do ICMS sobre os combustíveis em 17%. Goiás foi além e reduziu também o imposto do diesel", analisou. 

Ele explicou que os postos devem começar a comprar os combustíveis das distribuidoras com essa redução, que deverá ser repassada também para os consumidores finais já nos próximos dias. "Nosso estado se torna mais competitivo, em relação aos demais estados, criando condições para que os nossos produtos fabricados em Goiás possam ter mais competitividade", explicou. 

ABC Digital
 

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.