No TBC Debate, economistas avaliam as plataformas digitais como meios de negócios

Os economistas Júlio Paschoal e Danilo Orsida manifestaram posições convergentes e complementares sobre as plataformas digitais de trabalho, tema discutido no programa TBC Debate de quinta-feira, 7. Ambos argumentaram que este cenário está consolidado, especialmente no mundo comercial, e não há caminho de volta. Outro ponto destacado pelos debatedores é a necessidade urgente da criação de marcos regulatórios para os negócios realizados por meio de plataformas digitais, como forma de garantir os direitos dos consumidores, mas também assegurar que os governos – União, Estados e Municípios – não tenham perda de arrecadação. Conforme Júlio Paschoal, a pandemia acelerou os chamados e-commerces, que hoje detêm grande parcela do mercado de produtos, com tendência continuada de crescimento, o que exige dispositivos legais de fiscalização e tributação. Danilo Orsida destacou o crescimento e a importância dos negócios digitais, o que ficou demonstrado com o recente apagão das principais plataformas, que ocasionou grandes prejuízos em todo o mundo.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.