Lissauer admite intenção de se candidatar à Câmara dos Deputados nas próximas eleições

Presidente da Assembleia Legislativa foi o entrevistado do Boa Noite Goiás e falou sobre a parceria da TBC e da TV Alego, sua trajetória política, o relacionamento com o governador Ronaldo Caiado, entre outros assuntos

Em entrevista ao programa Boa Noite Goiás, comandado por Paulo Beringhs, o presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego), Lissauer Vieira anunciou nesta terça-feira, 23, seu projeto político. “Tenho buscado os apoios para viabilizar uma candidatura em 2022 para deputado federal”, adiantou. Segundo ele, depois de dois mandatos para deputado estadual, é preciso buscar nova experiência.  

Afirmou que, no Parlamento federal, são discutidas as questões nacionais. Indagado sobre o que faria para não ser um entre 513 parlamentares de todo o País, Lissauer ponderou que “se você tem a capacidade de diálogo e de trabalho, você consegue de destacar”. Falou também sobre sua trajetória política – está no segundo mandato consecutivo de deputado estadual. Disse que é representante de Rio Verde e de todo o Sudoeste Goiano. E informou que vai completar 41 anos de idade em maio próximo e, portanto, tem uma longa carreira política pela frente.

Parceria

O presidente da Alego comentou a parceria dos canais de comunicação dos Poderes Executivo (TBC) e Legislativo (TV Alego) do Estado. Afirmou que eles devem trabalhar em sintonia e harmonia, mas respeitando a independência dos poderes. Conforme ele, divulgar, de fato, o que acontece em Goiás e na Alego “é peça importante, fundamental para nossa democracia”.

Lissauer disse que a parceria acontece na troca de conteúdos, de profissionais, e de equipamentos, assim como na transmissão simultânea de programas, como o programa Boa Noite Goiás, exibido do estúdio da TBC. E que essa parceria vem colaborar com a grade de programação jornalística das duas emissoras de TV. “Tenho certeza que tem sido feito com muita maestria por todos os profissionais de ambas as emissoras”, destacou.

Motim

Lissauer Vieira respondeu perguntas enviadas pelos telespectadores. Sobre o recente início de motim de detentos, em unidade prisional de Aparecida de Goiânia, disse: “O governador Ronaldo Caiado mostrou, mais uma vez, o seu pulso firme, o seu braço forte como gestor de Goiás, não deixando com que forças ocultas, ou forças alheias, ou comandos de facções queiram ditar regras, seja no nosso Estado, seja no sistema penitenciário.”

Ele falou ainda sobre o relacionamento com Ronaldo Caiado. “Temos um sintonia muito boa com o governador, até mesmo de perfil de representatividade política. Tenho tido um diálogo excelente (com ele)”, ressaltou. Acrescentou que tudo é tratado “sempre com transparência, em um diálogo republicano, ouvindo os prós e os contras, pautando e entregando ao governo ou à população o que é necessário”, declarou.

O presidente da Alego abordou ainda outros temas, como a aprovação do ProGoiás, programa que concede benefícios fiscais; a questão do ICMS dos combustíveis, a troca de comando na Petrobras, a instalação de uma nova empresa em Rio Verde que vai gerar mil novas vagas de emprego, o recrudescimento da pandemia de Covid-19, a nova sede da Alego, entre outros.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.