Imunologista alerta sobre Covid-19 em crianças e retorno às aulas presenciais

A médica Lorena de Castro Diniz afirmou que pais devem tomar precauções para evitar contágio das crianças, mesmo que os riscos de complicações sejam menores

A médica imunologista Lorena de Castro Diniz, que também é membro da Sociedade Goiana de Pediatria, fez alerta aos pais no sentido de que adotem todos os cuidados sanitários com as crianças, que também podem ser acometidas de Covid-19. Em entrevista hoje, 8, ao programa O Mundo em Sua Casa, das rádios Brasil Central AM e RBC FM, ela ressaltou que o quadro clínico apresentado por crianças e adolescentes pode ser leve ou mesmo assintomático, mas ainda não está claro para a ciência quais sequelas podem ser deixadas pela Covid, doença que tem como um dos focos o Sistema Nervoso Central.

“Não temos muitos casos de crianças acometidas com Covid que evoluíram para quadro mais graves. Mas em adultos é comum a perda de olfato, de paladar e até mesmo de memória, além de outras consequências à saúde”, argumentou ela. E reafirmou a necessidade da adoção dos protocolos sanitários de modo a proteger as crianças para que não sejam acometidas pela doença.

Lorena Diniz também abordou a questão da volta às aulas presenciais previstas para o mês de agosto. “É claro que se permanecer a situação atual, marcada pelo crescente número de contaminações, internações em alta e mortes em patamares elevados, vai dificultar a volta às aulas presenciais”, asseverou ela. Ela opinou que será necessário fazer ampla avaliação em agosto, com participação dos pais, escolas e das autoridades de saúde, para a tomada de decisão. “É fundamental que os alunos voltem, porque padecem com falta de sociabilidade e têm prejuízos no aprendizado. Mas precisam retornar com segurança, seguindo todas as medidas sanitárias”, concluiu.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.