Hospital de doença dermatológica presta atendimento domiciliar a pacientes

Atualmente 30 pessoas são atendidas em casa por uma equipe multidisciplinar, mas a expectativa do HDS é chegar a 120 acompanhamentos por mês

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, mantém o serviço de atendimento domiciliar do Hospital Estadual de Dermatologia Sanitária Colônia Santa Marta (HDS). No final de 2021, o HDS criou o Saúde no Lar, programa com o objetivo de oferecer aos pacientes um cuidado que vai além do ambiente hospitalar e promove o atendimento humanizado, no conforto de casa. Reportagem sobre o tema foi exibida nesta quarta-feira (11) no programa O Mundo em sua Casa.

Dona Jerônima Pires é uma dos pacientes atendidos pelo programa da unidade de saúde e só tem elogios para o serviço que recebe. Segundo o médico Diego Marques, que acompanha a paciente em casa, esse tipo de atendimento pode ser mais efetivo, pois estar no âmbito familiar pode fazer toda a diferença. O HDS é o hospital com a maior capacidade para realizar atendimentos domiciliares. Atualmente, 30 pacientes recebem o atendimento em casa. Mas a expectativa é chegar a 120 acompanhamentos por mês.

Thiago Delano, supervisor de Atendimento Domiciliar da Secretaria da Saúde, disse que o serviço é composto por duas equipes multiprofissionais. “Nós temos 18 profissionais capacitados para prestar esse atendimento, de acordo com a necessidade do paciente”, informou. Segundo ele, a Pasta está fazendo uma gestão eficiente dos Hospitais de Urgência, com o cuidado no domicílio, sem que o paciente precise ficar internado na instituição. Com isso, é possível desafogar o atendimento de urgência em saúde e garantir uma atenção mais humanizada.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.