Governo de Goiás amplia rede de escolas de tempo integral

Já foram investidos R$ 65 milhões no programa que reforma e amplia as escolas, além de equipar bem as unidades com diversos laboratórios e computadores

Goiás já conta com 151 escolas de tempo integral em sua rede estadual de ensino. Até o final deste ano, serão mais 17 unidades e outras 87 até o fim de 2022, segundo planejamento da Secretaria de Estado da Educação (Seduc). Cerca de R$ 65 milhões já foram investidos no programa dos chamados Centros de Ensino em Período Integral (Cepis).

Para falar do assunto, a superintendente de Educação Integral da Seduc, Márcia Antunes, participou nesta segunda-feira, 26, do radiojornal O Mundo Em Sua Casa, das rádios RBC FM e Brasil Central AM. Segundo ela, os recursos são aplicados tanto em infraestrutura quanto em equipamentos.

Segundo ela, são feitas melhorias como construção, reforma e ampliação de prédios e aquisição de equipamentos laboratoriais, computadores, ar-condicionado e outros. A superintendente afirma que o programa coloca as escolas em condições de melhorar significativamente o rendimento dos estudantes. “Já temos uma inserção muita alta dos alunos na universidade, acima de 80%”, relata.

ABC Digital

 

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.