GoiásFomento oferece crédito diferenciado para micro e pequenos empresários

Presidente Rivael Aguiar disse no TBC2 que a instituição financeira “não empresta por emprestar”, e que seu crédito é voltado para a geração de emprego e renda

Em entrevista concedida no estúdio do telejornal TBC2 nesta segunda-feira, 1º/02, o presidente da GoiásFomento, Rivael Aguiar, apontou uma das vantagens do crédito disponibilizado pela Agência. “Ele é um crédito voltado para a geração de emprego e renda. A gente não empresta somente por emprestar”, afirmou.

Conforme Rivael, o empresário recebe toda uma orientação, para que possa decidir por tomar aquele empréstimo ou não. “Às vezes, ele não precisa do empréstimo, apenas de uma renegociação de suas dívidas. E para isso, o Governo do Estado tem o programa Mais Crédito, que faz exatamente essa orientação, esse apoio no saneamento das dívidas das empresas”, ponderou.

Mas caso o empréstimo seja necessário, acrescentou, a GoiásFomento oferece o crédito na medida certa para as necessidades daquele empresário. “Nosso crédito é um crédito produtivo orientado. É diferenciado, com taxas de juros mais baratas que os créditos dos bancos comerciais”, disse. Destacou que o objetivo é “exatamente dar esse apoio, dar o socorro para o empresário manter seus empregos”.

Público-alvo

Segundo ele, a GoiásFomento tem como o público-alvo os micro e pequenos empresários, e também o microempreendedores individuais (MEI). Rivael orientou o interessado a acessar o site www.goiasfomento.com. Nele estão informações sobre as linhas de crédito, os pontos de atendimento e o telefone de contato. O atendimento também pode ser presencial, por meio de agendamento. Além disso, o Sebrae faz uma orientação, presta uma consultoria gratuita, através de convênio firmado com a instituição financeira.

Rivael Aguiar comentou a linha de crédito do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronamp), do governo federal, instituído pela Lei 13.999/2020. Somente no primeiro mês em que começou a ser operado pela GoiásFomento, foram liberados R$ 21 milhões. Afirmou que esse crédito atendeu a uma determinação do governador Ronaldo Caiado, no sentido de a Agência facilitar o acesso e agilizar os processos de concessão.

“A gente orienta que o microempresário faça um check list da documentação exigida”, declarou. Acrescentou que no site da GoiásFomento já tem o formulário, basta fazer o download. E no próprio site o empresário pode fazer o upload dos seus documentos e encaminhar a proposta. “Fazendo isso, com certeza, o crédito dele vai ser analisado com muito mais rapidez”, garantiu.

Desafios

No segundo bloco da entrevista, Rivael Aguiar apontou os principais desafios enfrentados atualmente pelos empresários: encargos sociais sobre a folha de pagamento, burocracia e os efeitos da pandemia nos resultados das vendas. Lembrou que, no ano passado, a GoiásFomento liberou mais de R$ 80 milhões em empréstimos para micro e pequenas empresas, contribuindo com a manutenção e geração de 6.500 empregos.

Disse que o telefone de atendimento é (62) 3216 4900. Informou ainda que a Agência de Fomento mantém um posto de atendimento na região da Rua 44, em Goiânia, no Shopping Gallo.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.