Goiás terá safra recorde de grãos em 2022/2023

A previsão da safra recorde de grãos em Goiás este ano vem calcada nos números de área plantada e produtividade e também nas boas condições climáticas

Projeções da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Goiás (Seapa-GO) anotam que a safra goiana de grãos 2022/2023 deve superar a marca de 30 milhões de toneladas, batendo recorde, com 12% a mais do que a anterior, com um aumento de 3% da área plantada, o que denota um bom ganho de produtividade. Em reportagem apresentada pelo Jornal Brasil Central nesta quinta-feira, 13, o superintendente de Engenharia e Desenvolvimento Social da Seapa-GO, José Ricardo Caixeta confirmou que a safra pode até mesmo passar dos 32 milhões de toneladas. A soja é o principal produto, com 17,6 milhões de toneladas, seguido pelo milho, que também cresceu.

“Com essa nova safra, nós deveremos romper a barreira dos 30 milhões de toneladas de grãos, superando, inclusive, os 32 milhões de toneladas. É um número que traz uma simbologia muito forte para o setor agropecuário do estado de Goiás, mesmo porque nós ainda enfrentamos situações muito adversas, como a alta dos custos”, observou José Ricardo, acrescentando que a união de todos os entes envolvidos proporcionou a superação dos percalços. Complementou informando que Goiás é também o campeão nacional de produtividade.

Entrevistado, o agricultor Victor Domingues disse que a área de grãos tem crescido muito não só aqui no estado, mas no país inteiro, “tanto pela demanda interna quanto pela externa e é uma área que tem muito a crescer ainda”. Para ele, há esperança de que este ano seja mais produtivo, pelas condições climáticas. “Este ano as chuvas vieram mais cedo aqui no estado e tudo indica que vai ser um ano muito produtivo”, sentenciou.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.