Goiás registra queda no número de mortes por Covid-19 em julho

Segundo Fúlvia Amorim, esse resultado tem relação com o avanço da vacinação. Entretanto, atualmente o número de internações pela doença ocorre com pessoas mais jovens, em sua grande maioria

O número de mortes causadas por Covid-19 vem apresentando queda em Goiás. De acordo com estatística da Secretaria de Estado da Saúde (SES), em julho último foram registrados 1.535 óbitos no Estado em decorrência de complicações da doença, número 27% menor do que o verificado no mês anterior.

Em entrevista ao programa O Mundo em sua Casa, a superintendente de Vigilância em Saúde da SES, Flúvia Amorim, confirmou que a queda de mortes tem relação com o avanço da vacinação. Ela explicou que, quando se avalia por faixa etária, é possível perceber que essa redução na quantidade de óbitos foi significativa entre os maiores de 60 anos.

Painel

Flúvia Amorim falou sobre o painel da Covid-19 em Goiás. Ponderou que, quando são analisadas as curvas de casos e de mortes, é possível perceber que houve uma segunda onda de casos, depois começou a cair, estava caindo e começou a ter uma leve subida nos números, e foi mantido o patamar alto do número de casos. E agora se vê uma tendência de queda.

Para os óbitos, a superintendente apontou que há uma tendência de queda de uma forma mais rápida. E explicou o que está acontecendo: primeiro aumentam os casos, depois as internações e, em seguida, crescem os óbitos. No que se refere às internações, disse que hoje são de pessoas mais jovens na sua maioria, que ainda não chegaram em sua faixa de vacinação, ou tomaram apenas uma dose do imunizante, não tomaram a segunda dose.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.