FGF estreia VAR Light na 9ª rodada do campeonato goiano

Tecnologia mais barata que o VAR tradicional, ela vai ajudar nas decisões da arbitragem nos jogos do Campeonato Goiano de Futebol masculino

Estreou na 9ª rodada do Campeonato Goiano de Futebol Masculino, no jogo Vila Nova x Inhumas, realizado na terça-feira (7), a tecnologia denominada VAR Light, para servir como linha auxiliar nas decisões da arbitragem. O Jornal Brasil Central veiculou matéria sobre a nova tecnologia e, em entrevista, o CEO da Federação Goiana de Futebol (FGF), André Pita, disse que o VAR Light já existe em muitos países e no Brasil vinha sendo testado em vários jogos de base e feminino e esta foi a primeira vez que acompanhou uma partida profissional. Segundo ele, as vantagens e riscos foram explicados aos clubes participantes e eles concordaram com tudo.

Presidente da FGF, Ronei de Freitas informou que depois de muito estudo e análise por parte da diretoria, a Federação chegou à conclusão que essa inovação pode levar segurança, transparência e lisura nas decisões da arbitragem. Na reportagem fica claro que tudo está sendo feito seguindo à risca o que a CBF e a Fifa determinam. O VAR light utiliza tablets e um número reduzido câmeras e de pessoas para operar o equipamento, com um custo que pode chegar a 1/4 do valor do VAR tradicional. Detalhe que a FGF já deixou claro em nota é que ele não marca as linhas digitais de impedimento e, que, por isso, qualquer decisão de campo será mantida em caso das imagens não serem conclusivas.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies , ao continuar navegando, você concorda com estas condições.