ESTREIA: Primeiro TBC Debate vai discutir polarização na política nacional

Novo programa da TBC, comandado por Rafael Vasconcelos, colocará no centro das discussões esta semana os seguintes assuntos: progressistas versus conservadores, regalias para presos e feminismo

O TBC Debate, novo programa da TV Brasil Central comandado por Rafael Vasconcelos, estreia nesta terça-feira, 02, às 19h30. E promete elevar temperatura no estúdio da emissora, ao provocar discussões acaloradas, mas em um ambiente de respeito às opiniões divergentes. Isso porque dois convidados especiais vão defender os seus pontos de vista, que geralmente são opostos.

Nesta primeira semana, os temas que serão debatidos são: progressistas versus conservadores (terça-feira, 02), regalias para presos (03) e feminismo (04). Vale a pena acompanhar o programa, cujo principal objetivo é promover o diálogo entre diferentes linhas de pensamento. Será que isso é possível em um momento de polarização pelo qual passam o mundo e, em especial o Brasil? Vale tentar, afinal a diversidade das opiniões é que move a humanidade. E todo mundo está à procura do argumento perfeito.

Para o presidente da ABC, Reginaldo Junior, o jornalista e diretor de Teleradiodifusão, Imprensa Oficial e Site, Rafael Vasconcelos é um dos jornalistas mais importantes do Estado e aceitou o convite feito por ele e pelo secretário de Comunicação, Tony Carlo, para participar do time da Brasil Central. “Ele vem para fazer um programa diferenciado, com um formato único já produzido em Goiás e até no Brasil, com debate olho no olho. Vai surpreender a todos os goianos que assistem a TV Brasil Central”, ressaltou.

Programação da semana

Terça-feira (02/02)

Mauro Rubem, Rafael Vasconcelos e Gustavo Gayer, na estreia do TBC Debate

O programa de estreia do TBC Debate vai ser ‘quente’ e promete um bom embate democrático de ideias. Será debatido o seguinte tema: progressistas versus conservadores, e a atual polarização política que tomou conta do Brasil.

Os convidados que participarão dessa arena midiática são dois ativistas políticos: o deputado federal Mauro Rubem, filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT); e Gustavo Gayer, empresário, youtuber e conservador de carterinha.

O debate vai esquentar na telinha da TBC, pois os dois convidados têm visões divergentes respeito da política brasileira, do desempenho do governo Bolsonaro, do enfrentamento à pandemia da Covid-19, entre outros assuntos. Vale a pena conferir.

Quarta-feira (03/02)

O embate de ideias entre Danilo Vasconcelos e Antônio Leal, mediado por Rafeel Vasconcelos (ao centro)

Na terça-feira, o TBC Debate vai enfocar outro assunto polêmico, que costuma dividir as opiniões: regalias para presos. Os convidados são o comunicador Antônio Leal e o advogado e professor Danilo Vasconcelos. 

O programa colocará em debate as formas de tratamento às pessoas encarceradas no País. Os detentos podem ter direito a regalias, como geladeira, videogame e mesa de sinuca, entre outros itens, dentro de sua cela? Podem promover churrasco e confraternizações dentro da penitenciária? É certo o País ter duas categorias de reeducandos nas prisões, com tratamentos distintos para os ricos e os pobres? Como promover um atendimento mais humano e igualitário para todos aqueles que fazem parte da população carcerária brasileira? O ideal é manter a rigidez das regras dentro do presídio, ou flexibilizá-las? O assunto rende mesmo um bom debate e acende paixões.

Quinta-feira (04/02)

Nos estúdios da TBC, Mariana Gidrão, Rafael Vasconcelos e Aava Santiago

O terceiro programa da semana de estreia do TBC Debate envolve principalmente as mulheres, mas tem consequência direta na vida dos homens. As convidadas desta edição são a consultora política Mariana Gidrão e a vereadora Aava Santiago.

As opiniões sobre feminismo divergem atualmente, mesmo entre as mulheres. Há muito tempo que o movimento feminista deixou de apenas queimar sutiãs em praças públicas para defender os direitos das mulheres. Ele se ampliou e amadureceu. Coleciona conquistas e recuos, defensores e detratores. Afinal, qual deve ser o papel da mulher na sociedade? Deve buscar ocupar o seu espaço em todos os segmentos sociais, ou preferir viver em plenitude os papéis de esposa e mãe?

A edição do TBC Debate que fecha a semana de estreia vai ter um certo tom de cor rosa, ou até mesmo roxo, no confronto das ideias e argumentos. Mas com certeza, depois de assistir às três primeiras edições do programa, o telespectador não será mais o mesmo. Ele terá muito mais argumentos (a favor ou contra) a respeito de assuntos polêmicos, e assim poderá formar sua própria opinião. E o TBC Debate vai continuar em busca do argumento perfeito.

2021 O ano da Brasil Central

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.