Escritório da Apex em Goiânia vai apoiar pequenos e médios exportadores

Em entrevista à TBC, titular da SIC, Joel Sant’Anna, falou também sobre o resultado da balança comercial goiana em outubro, parceiros comerciais e atração de novos empreendimentos

O secretário de Estado de Indústria, Comércio e Serviços (SIC), Joel Sant’Anna esteve, nesta terça-feira (8) no estúdio do Jornal Brasil Central Edição da Noite, onde falou sobre o resultado da balança comercial de Goiás relativo a outubro último. No período, as exportações goianas cresceram 77,8% em comparação ao mesmo mês de 2021, totalizando US$ 1,08 bilhão. O saldo (exportações menos importações) foi superavitário em US$ 613 milhões.

O secretário anunciou que, no próximo dia 18, será inaugurado em Goiânia o escritório regional do Centro-Oeste da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil). “Esse escritório, junto com o Governo de Goiás (SIC e Sedi), vai ajudar as pequenas e médias empresas a exportar”, destacou. Joel Sant’Anna citou grandes exportadores do Estado da área de alimentação, mas lembrou que é importante dar suporte a toda a cadeia produtiva.

Selo de exportação

“Nós precisamos olhar para aquele pequeno e médio (empresário) que não tem uma estrutura que o ajude a exportar”, acrescentou, lembrando que a operação da Apex na capital goiana facilitará o acesso ao selo de exportação. Disse que a SIC pretende apoiar os pequenos e médios confeccionistas da Região da Rua 44, em Goiânia, para que eles também possam exportar. E adiantou que países africanos já demonstraram interesse em comprar as roupas made in Goiás.

Conforme o titular da SIC, em outubro último o complexo soja foi responsável por 45% do total exportado pelo Estado, sendo que os maiores parceiros comerciais de Goiás foram a China, Estados Unidos e países europeus. Já como países fornecedores, citou Alemanha, EUA, China e Índia, na venda de adubos e insumos fármacos, itens indispensáveis para a agricultura e a indústria. Informou ainda que o Porto Seco de Anápolis bateu recorde, ao desembaraçar mais de R$ 1 bilhão em mercadorias  em setembro último.

Sobre a expectativa para os próximos anos, Joel Sant’Anna afirmou que a reeleição do governador Ronaldo Caiado trouxe tranquilidade para os investidores. Contou que o grupo Bem Brasil Mineiro, responsável por 50% das batatas industrializadas no País, anunciou que planeja instalar uma unidade em Cristalina. Citou que a Caramuru vai abrir nova unidade de produção de proteína para piscicultura em Itumbiara, além de investimentos no setor farmacêutico em Anápolis e novas empresas do agronegócio. “Goiás está dando certo e a gente vai ter muitas empresas abrindo”, garantiu.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.