Emater promove polos de fruticultura em Goiás

Projeto piloto de plantação de abacate está em andamento em Santa Rita do Araguaia e outro em gestação no Vão do Paranã, em Flores de Goiás, para outros tipos de frutas

 

A Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater-GO) inicia o trabalho para a criação de polos de fruticultura no Estado, observando as peculiaridades de cada região. A informação é do presidente Pedro Leonardo Rezende e foi externada no Jornal Brasil Central desta quarta-feira (25), quando falou sobre o projeto-piloto de plantação de 170 hectares de abacate em parceria com a Fazenda New Life, no município de Santa Rita do Araguaia, região Sudoeste de Goiás. “Temos a diretriz do governo de Goiás de consolidar o estado como importante polo produtivo de fruticultura, não só para o mercado interno, mas também para os países que compram nossa produção, visto que remuneram melhor. Além disso, a maioria das frutas que são consumidas no estado de Goiás vem de fora. Identificados com toda essa oportunidade, nossa intenção é a de fortalecer cada vez mais essa cadeia produtiva, levando conhecimento e assistência técnica aos produtores através da Emater Goiás”, disse.

Pedro Leonardo afirmou que a todo o sistema de produção local da fruticultura traz muita oportunidade e a possibilidade de agregar mais uma alternativa de renda ao produtor rural e que a intenção é a de consolidar o estado de Goiás como um importante polo de frutas, agregando renda ao trabalho do produtor rural. Falou da opção por esse projeto-piloto e que já há em gestação um outro nos mesmos moldes, no Vão do Paranã, região Nordeste, de fruticultura, para promover o desenvolvimento regionalizado. “Vamos iniciar um projeto com 148 produtores no município de Flores de Goiás. Eles receberão kits de irrigação, políticas públicas de crédito rural, já obtiveram as outorgas ambientais e a nossa intenção é a de fazer a interlocução entre produtores e as indústrias, para que adquiram a produção. O trabalho é para consolidar Goiás como grande polo produtor de frutas no Brasil”, acrescentou.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.