Em dois anos, quase 4 mil jovens se formaram nas Escolas do Futuro

Mais de 560 cursos são oferecidos para desenvolver cidadãos competentes para inovar e atender ao mercado de trabalho

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Inovação (SEDI), idealizou o modelo das Escolas do Futuro do Estado de Goiás (EFGs), uma iniciativa de educação gratuita e de qualidade para jovens do Ensino Médio, Superior e pessoas que procuram recolocação profissional ou querem empreender. “São cursos que atendem as demandas dos cidadãos do século XXI que requerem novas competências”, explicou o superintendente de Capacitação e Formação Tecnológica da SEDI, José Teodoro. Foi o que mostrou matéria veiculada no O Mundo em Sua Casa desta quinta-feira (15).

Em dois anos de oferta de cursos, quase 4 mil alunos se formaram nas EFGs. As unidades visam atender as demandas de tecnologias inovadoras. As principais formações técnicas na área de tecnologia são em inteligência artificial, robótica, big data, data science e internet das coisas (loT). Ainda há oferta de formação profissional e tecnológica na área de artes, com cursos de música, dança, teatro, artes visuais e circo. O site para conferir os editais das Escolas do Futuro é efg.org.br.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.