Dia de combate à obesidade foi destaque na RBC FM

Radiojornal ouviu médicas e nutricionista para falar sobre causas e como tratar o problema que é cercado por preconceitos

4 de março é considerado o Dia Mundial de Combate à Obesidade. Para falar da importância de prevenção e combate a essa doença, o jornalismo da RBC FM dedicou nesta quinta-feira um bom espaço a profissionais da endrocrinologia e nutrição.

Atualmente cerca de 1 bilhão de pessoas estão acima do peso no mundo, sendo metade considerada como portadoras do mal da obesidade. Outro número que assusta nessa área é o que mostra cerca de 40 milhões de crianças com até 5 anos em todo o mundo nessa condição.

Pela manhã, o radiojornal Primeiro Tempo contou com a participação da endocrinologista Fernanda Braga. Ela explicou a obesidade com base no Índice de Massa Corporal (IMC), usado pelos médicos para saber se a pessoa padece de obesidade, os fatores que levam à obesidade e formas de tratamento.

Multifatorial

No Segundo Tempo, radiojornal da tarde na RBC FM, outras duas profissionais falaram sobre o tema. A médica endocrinologista do Centro de Atenção ao Diabetes do HGG (Hospital Estadual Geral de Goiânia), Patrícia Rabelo, destacou o aspecto multifatorial da obesidade e os riscos maiores que a pessoa obesa pode ter ao ser infectada pelo coronavírus.

Reeducação alimentar

Por fim, a nutricionista Maíra Azevedo também participou do Segundo Tempo abordando os aspectos alimentares envolvidos no desenvolvimento da obesidade. Segundo ela, o tratamento do problema passa também por mudanças comportamentais e de reeducação alimentar.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.