Defesa Civil de Goiânia alerta para a possibilidade de temporais nos próximos dias, em entrevista à RBC

Coordenador executivo diz que órgão foi surpreendido pela inundação do Rio Meia Ponte, que alagou áreas ribeirinhas da capital no último fim de semana

Em entrevista concedida na manhã desta sexta-feira, 24, ao radiojornal O Mundo em sua Casa, o coordenador executivo da Defesa Civil em Goiânia, Francisco Vieira, disse que o órgão foi surpreendido, no último final de semana, pela inundação do Rio Meia Ponte, que alagou áreas ribeirinhas na capital e deixou 80 famílias desalojadas e com danos materiais. Ele alertou ainda que há possibilidade de temporais em todo o Estado nos próximos dias.

O radiojornal das rádios Brasil Central AM e RBC FM foi apresentado por Ernesto Fleury e Luzeni Gomes. Segundo Francisco Vieira, foi “novidade” e “trouxe preocupação” o alagamento ocorrido no Recanto do Bosque, em Goiânia, após inundação do Rio Meia Ponte, onde há moradias construídas precariamente em local irregular, porque colocou várias famílias em risco. Elas tiveram de ser socorridas pelo Corpo de Bombeiros, pois ficaram ilhadas.

“A principal preocupação é com essa cheia do Meia Ponte, que por consequência afeta o Setor Urias Magalhães e a Vila Roriz”, afirmou. E informou que nesta manhã equipe da Defesa Civil estava vistoriando também os setores Negrão de Lima, Vila Viana e Montecelli, que são margeados pelo rio, para verificar qual era a situação nesses locais. O coordenador geral contou que ocorreu uma quantidade maior de chuva em Inhumas e Itauçu, o que refletiu em Goiânia. “Não era esperado esse volume de chuva tão intenso já no final do período chuvoso”, ponderou.

Contatos

Em caso de necessidade, Francisco Vieira orientou as pessoas a entrar em contato com a Defesa Civil de Goiânia, pelo fone 3524-4080, que opera 24 horas por dia. Também é possível ligar para o fone 153 da Central Operacional da Guarda Civil Metropolitana, ou para o 193 do Corpo de Bombeiros. “Todos esses três órgãos estão imbuídos em ajudar a população que está em áreas de risco em situação de emergência, seja durante o dia ou à noite”, destacou.

Ele falou ainda sobre o alerta de temporais em todo o Estado para os próximos dias do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), coordenado pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil do Ministério do Desenvolvimento Regional. Orientou as pessoas a cadastrar o celular, por meio do SMS 40199, para poder receber, com antecedência de 72 horas, mensagem de alerta sobre a possibilidade de fortes chuvas em sua região.

ABC Digital