Criação do passaporte da vacina tem discussão acalorada no TBC Debate

O programa TBC Debate de quarta-feira, 22, colocou em discussão a criação do passaporte da vacina, espécie de comprovante de vacinação que passará a ser exigido das pessoas para acesso a grandes eventos como shows, jogos de futebol, festas, atividades culturais e outros em Goiânia, caso a lei seja aprovada pela Câmara Municipal e sancionada pelo prefeito Rogério Cruz. O tema foi abordado pelos vereadores Ronilson Reis, radicalmente contrário à ideia e que apresentou projeto contra a exigência do passaporte, e Marlon Teixeira, plenamente favorável à ideia. O primeiro justifica sua tese dizendo que o passaporte é desnecessário, inconstitucional e restringe o direito de ir e vir das pessoas. Chegou a chamar a exigência de apartheid da vacina. Já Marlon Teixeira argumenta que o passaporte vai ajudar a retomada econômica e estimular as pessoas a se vacinarem com as duas doses. As discussões foram tão acaloradas que o tema será abordado novamente hoje, 23, no TBC Debate.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.