Com decreto de isolamento social, Vapt Vupt suspende atendimentos presenciais

Parada será de 14 dias a partir de 30 de junho e agendamentos prévios terão prioridade na volta, informa superintendente do órgão à RBC

Com o decreto do governo estadual determinando isolamento social intermitente de 14 dias, a partir da última terça-feira, 30, todas as unidades do Vapt Vupt ficarão fechadas nesse período para atendimentos presenciais. Serviços prestados pela internet, no entanto, seguem funcionando normalmente.

O superintendente de Atendimento ao Cidadão da Secretaria de Estado da Administração (Sead), Dioji Ikeda, explicou a medida no programa O Mundo em Sua Casa, radiojornal das emissoras RBC FM e Rádio Brasil Central AM, ambas da Agência Brasil Central (ABC). Ele conversou com os apresentadores Jerônimo Venâncio e Rafael Mesquita.

Segundo Ikeda, quem já tinha agendado atendimento para os próximos dias, não precisará entrar em contato com o Vapt Vupt, pois a própria equipe do órgão fará isso, reagendando o atendimento para a retomada, a partir do próximo dia 13. Ele observou que os serviços prestados pelo órgão na internet continuarão normais neste período.

“Hoje nós temos mais de 50 serviços oferecidos em nossa plataforma do governo digital, tais como parcelamento de IPVA, emissão de Guia de Transporte Animal, emissão de certidões por parte da Secretaria de Economia, comunicado de venda, enfim, uma série de serviços prestados de forma muito simples, com comodidade de a pessoa acessar pelo celular ou computador de forma segura”, disse o superintendente da Sead.

Dioji Ikeda finalizou informando que a retomada será feita da mesma forma de antes, ou seja, atendimento presencial feito apenas por agendamento prévio pelo site do Vapt Vupt. De acordo com Ikeda, esse agendamento será aberto no site cinco dias antes da retomada dos atendimentos presenciais nas agências.

ABC Digital