Codego vai desenvolver projeto na região da Rua 44 em parceria com o IEL Goiás

Meta é incentivar o fortalecimento das cadeias produtivas goianas nos segmentos têxtil, de mineração e do agronegócio; polo de confecção de Goiânia foi escolhido para iniciar o projeto

A Companhia de Desenvolvimento de Goiás (Codego) e o Instituto Euvaldo Lodi (IEL Goiás), do Sistema Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), firmaram parceria para desenvolver projeto que visa o fortalecimento de cadeias produtivas goianas nos segmentos têxtil, de mineração e da agroindústria. No primeiro momento, a meta é corrigir gargalos no ramo das confecções, fortalecendo a produção local, e tendo como âncora o varejo da região da Rua 44 em Goiânia.

O diretor técnico da Codego, Sílvio Fernandes, foi entrevistado nesta quarta-feira, 10, no programa O Mundo em sua Casa das rádios Brasil Central AM e RBC FM. Na ocasião, ela detalhou o projeto e falou sobre as novas oportunidades de negócios e a interligação entre a cadeia têxtil do Estado. Segundo ele, a preocupação do Governo de Goiás é com a retomada econômica na região da Rua 44, buscando solidificar a posição dessa região, auxiliando os comerciantes, mas também o desenvolvimento da indústria da moda goiana..

Demanda

Ele informou que será feito um estudo para entender a demanda atual dos empresários da região da 44 “Nós estamos partindo da demanda para poder fortalecer a oferta. E com isso, criar um ambiente favorável para as empresas já existentes, mas também buscar a criação de novas empresas, difundindo essas empresas e indústrias no Estado como um todo”, afirmou.

Sílvio Fernandes resumiu assim o projeto conjunto com o IEL Goiás; “É estudar, interligar, capacitar e fomentar, para dar sustentabilidade para esta região.” Lembrou que a Região da Rua 44 é muito importante hoje para Goiás, pois se apresenta como um polo de referência no Brasil.

Logística

Afirmou que, com a logística do Estado, Goiás pode muito bem exportar moda para fora do País. Mas é necessário desenvolver um trabalho que busque consolidar a posição de Goiânia e de Goiás no segmento da moda, defendeu.

Por meio da parceria o diretor da Codego disse que a ideia é que o IEL Goiás proporcione a expertise de condução e de pesquisa, enfim, de mapeamento, além de contribuir com a interlocução entre os setores econômicos.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.