Caiado vai discutir reajuste da data-base com servidores

Segundo ele, desde 2016 os servidores do Estado de Goiás não têm data-base e que, pela primeira vez, será discutido um reajuste para todos os servidores, sem distinção

Em solenidade onde apresentou os números mais recentes das ações da Segurança Pública em Goiás, o governador Ronaldo Caiado falou que está abrindo conversações com os sindicatos dos servidores públicos para promover o reajuste da data-base, que abrangerá todos os funcionários públicos indistintamente. Informou também que determinou ao secretário do Governo, Adriano da Rocha Lima, intermediar a discussão do assunto com os representantes dos sindicatos.

“A data-base não existe em Goiás desde 2016. Foram feitos reajustes de algumas categorias do ponto de vista salarial, mas não a data-base. O teto de gastos foi definido não na minha gestão, mas em 2016, que depois não cumpriu em 2018 e Goiás foi multado em R$ 1 bilhão. Então, pela primeira vez, nós vamos discutir juntos a data-base e fazer a reposição a todos os servidores”, assegurou o governador.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.