Brasil Central vive uma verdadeira transformação

Em balanço de fim de ano, atual gestão coleciona avanços significativos e devolve a ABC aos goianos

Nos últimos dois anos e meio, a Agência Brasil Central experimentou uma verdadeira transformação, e para melhor. Foram promovidas mudanças expressivas na governança, no espaço físico e na área editorial, proporcionando melhor ambiente de trabalho para os servidores, mais interação com telespectadores, ouvintes e internautas; ouvindo os anseios e questões da sociedade e divulgando os valores culturais goianos, assim como as realizações governamentais. Foi lançada ainda nova marca institucional da ABC, com foco na modernidade, leveza e antenada com o futuro.

Uma das ações adotadas foi o aumento da programação local da TV Brasil Central, que passou de 45 minutos para 14 horas diárias, com a estreia de novos programas, como o Jornal Brasil Central (Tarde e Noite), Boa Noite Goiás, TBC Debate, #TBC, TBC Esporte, TBC Pop, Estúdio RBC, TBC+, TBC Memória, De Bem com a Vida, Programa de Quinta, Curta Goiás, Goiás contra o Crime, Ídolos do Esporte, Perna de Pau, De Mulher para Mulher e Fala Mais. O tradicional radiojornal O Mundo em sua Casa ganhou versão televisiva em cadeia com as rádios Brasil Central AM e RBC FM, por meio da multiplataforma, em sintonia com a atual tendência da comunicação.

Para garantir que os novos programas fossem transmitidos com qualidade, foram restaurados ou construídos novos estúdios. Em agosto de 2020 havia apenas um estúdio em funcionamento na ABC. Atualmente são dez operando, com foco na multiplataforma. Um dos destaques é o estúdio-auditório, que ficou desativado por muito tempo e agora permite a participação do público. Outra tendência do setor voltada para o público mais jovem, os podcasts e videocasts, agora conta com espaço próprio e condição de veiculação simultânea.

Coberturas ao vivo

“Conseguimos aumentar a programação diária local com a mesma equipe de servidores, pois temos muitos profissionais talentosos na Brasil Central”, destaca o presidente Reginaldo Júnior. Ele cita ainda, como destaques, as coberturas ao vivo, realizadas pelas equipes da Brasil Central nos Mutirões do Governo de Goiás, nos dois turnos das Eleições 2022, assim como a realização dos eventos Brasil Central 24 Horas e Brasil Central 30 Horas.

“Tivemos a ousadia de transmitir ao vivo programação local, de forma ininterrupta, por 24 horas, e depois por 36 horas”, conta o presidente da ABC, acrescentando que no último caso foi superada a marca do apresentador Sílvio Santos em horas ininterruptas no ar. Para garantir essas transmissões, foi adquirida uma solução integrada de serviços ponto a ponto, que permite cobertura ao vivo de qualquer ponto com serviço da internet, e o uso de câmeras via IP instaladas em 20 pontos do Estado.

E visando otimizar o trabalho, as redações de radiojornalismo e telejornalismo foram integradas, reduzindo custos e permitindo melhor eficiência na produção das notícias. Outros ambientes da Autarquia foram revitalizados. “Antes a gente encontrava gambiarras de fios por todos os lados como, por exemplo, na redação do radiojornalismo, e na área administrativa. Isso agora é coisa do passado”, aponta Reginaldo Júnior.

Além disso, houve a valorização do debate de ideias, com a abertura de espaço para debatedores das mais diferentes matizes ideológicas. A Agência Brasil Central preza pela pluralidade de vozes e pela liberdade de expressão.

Esporte Brasil Central com equipe própria

Após quatro anos fora do ar, o programa TBC Esporte foi retomado, com duas edições diárias no meio da semana e uma dominical. O Departamento de Esportes passou a contar com equipe própria, mesclando profissionais jovens e experientes, após ter ficado 20 anos por conta de terceirizados, o que foi alvo de denúncia no Tribunal de Contas do Estado de Goiás (TCE-GO). Para atender essa equipe, foi construído um estúdio-redação especialmente para a transmissão dos programas esportivos.

Finanças equilibradas

“Equilibramos as finanças”, destaca o diretor de Gestão Integrada Fernando Dibe. Conforme ele, atualmente a Brasil Central paga pontualmente seus fornecedores e os processos são céleres. O faturamento do Diário Oficial passou a contar com maior controle, e se tornou mais eficiente e transparente, informa.

Durante esta gestão, foi realizada a revisão de contratos, aquisições e serviços, buscando sempre a redução de custos, de forma a garantir a melhor aplicação do dinheiro público. O serviço de manutenção das repetidoras da TBC no interior do Estado foi retomado. E o serviço de manutenção do parque de ar-condicionado da sede da Agência voltou a ser realizado, o que não ocorria há três anos.

Rádios conectadas com o futuro

As rádios Brasil Central AM 1270 e RBC 90.1 receberam atenção especial. As duas emissoras tiveram sua programação musical revitalizada, levando em consideração o apelo junto ao público ouvinte. Os cantores goianos passaram a contar com espaço garantido na programação da RBC FM, com tempo bem maior do que é comumente disponibilizado a eles nas rádios comerciais.

A Brasil Central também fechou parcerias com órgãos estaduais. Com a Secretaria da Educação permitiu a veiculação do programa Seduc em Ação, voltado aos estudantes do ensino superior e médio; e com a Secretaria da Retomada, o programa Retomada em Conexão, que tem foco na promoção da atividade econômica. Outra parceria, com a Secretaria de Esporte e Lazer, proporcionou a iniciativa esportiva de mais de 100 jovens da comunidade no campo de futebol da sede da ABC. Com a Controladoria-Geral do Estado, foi criado o programa O Tal do Compliance. A Agência também participa do Aprendiz do Futuro e contribui para ensinar uma profissão aos jovens beneficiados pelo programa.

Redes sociais bombando

A Brasil Central está apostando nas redes sociais para conquistar e fidelizar o público mais jovem, além de ampliar seu poder de comunicação para fora de Goiás e do Brasil. O canal do YouTube da TBC saltou de 19 mil inscritos para mais de 350 mil inscritos em dezembro de 2022, com mais de 60 milhões de visualizações. E esses números não param de crescer. Já o Instagram possui mais de 21 mil seguidores e milhares de visualizações. Responsável pelas redes sociais, a ABC Digital conta com uma equipe de jovens talentos que postam no Instagram as principais notícias do Estado e os bastidores dos programas da Brasil Central.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.