“Fui vítima de uma fake news”, denuncia o deputado Bruno Peixoto

Em entrevista ao TBC2, o parlamentar explicou que, nesse final de semana, circulou nas redes sociais um áudio falso atribuído a ele, com comentários maldosos a respeito dos professores da rede pública

“Fui vítima, nesse final de semana, de uma fake news”. A denúncia é do deputado estadual Bruno Peixoto (MDB), feita durante entrevista concedida no estúdio do TBC2 nesta segunda-feira, 30. Segundo ele, fizeram um áudio falso criticando os professores da rede pública (estadual) e atribuíram a ele. “Um verdadeiro desrespeito,” ressaltou.

O parlamentar informou que registrou ocorrência na Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos. E defendeu que atos como esse “não podem ficar impunes”. Ele conversou com os apresentadores Danuza Azevedo e Guilherme Rigonato sobre o fato. Acrescentou que já existem indícios a respeito da pessoa que produziu a fake news. “Um áudio ruim, sequer a voz parece com a minha”. Mas afirmou que a notícia falsa tomou uma grande proporção.

“Áudio esdrúxulo”

“Nós estamos mostrando a verdade, conversando com a população”, salientou. Segundo ele, trata-se de “um áudio esdrúxulo, fazendo críticas (aos professores) que jamais passaram pela minha cabeça, são críticas infundadas, uma voz que não se assemelha à minha, totalmente falso”.

O conteúdo da gravação falsa se refere ao projeto de lei enviado pelo governador Ronaldo Caiado à Assembleia Legislativa propondo aumento de 12,84% para os professores das categorias P1 e P2. O deputado explicou aos entrevistadores do TBC2 que esses professores estavam recebendo menos que o piso nacional da educação, por isso o projeto de lei de autoria do Executivo, para atender a lei.

Gabinete Itinerante

Bruno Peixoto falou ainda de algumas de suas iniciativas, como o Gabinete Itinerante, que é levado aos bairros de Goiânia e também ao interior do Estado. Por meio dele, as pessoas recebem assistência médica e orientações em diversas áreas, entre elas, jurídica e de fisioterapia. “É um trabalho social e (também) fazemos a captação dos projetos de lei e requerimentos para atender as regiões”, disse.

Junto com o Gabinete Itinerante, ele promove a castração solidária, cujo principal alvo são os cães em situação de abandono, para posterior encaminhamento à adoção. Desde 2010, o parlamentar mantém na capital a Casa do Interior, local onde hospeda gratuitamente prefeitos, vereadores e demais pessoas vindas de outras cidades, além de encaminhá-los para consultas médicas, exames e despachos em órgãos públicos.

Informou ainda que mantém abertas as portas de seu gabinete na Assembleia Legislativa “para que todos que ali cheguem entrem, sintam-se em casa e falem conosco. Nós temos que dar essa aproximação, lembrando que (é) a população que paga nosso salário, somos servidores (públicos)”, argumentou.

ABC Digital

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.