HOME

INSTITUCIONAL

DIÁRIO OFICIAL

TV BRASIL CENTRAL

Notícia

Ônibus do Hemocentro recebe doações de sangue na ABC nesta quarta-feira, 18
Publicado em: 2019-09-18 10:37:12

Dentro da programação da 13ª Semana de Prevenção de Acidentes de Trabalho (Sipat) da Agência Brasil Central, o ônibus do Hemocentro está estacionado nesta quarta-feira, 18, em frente ao Transporte e próximo à entrada do Centro de Convivência, para receber doações de sangue dos servidores. A promoção da Sipat 2019 é da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (CIPA) da Agência.

O ônibus permanece na ABC, fazendo cadastro de doadores de sangue, até as 16 horas de hoje. Quem quiser doar deve ir munido de documento de identificação com foto. A pessoa faz um cadastro, passa por uma triagem feita pelos servidores do Hemocentro, e depois, caso aprovada, faz a doação na hora, que demora em torno de cinco minutos. O Hemocentro está fazendo também cadastro para doadores de medula óssea, quando é retirado 5 ml de sangue.

Primeiro doador

O servidor do Departamento de Transporte, Thales Benichio, foi o primeiro servidor da ABC a doar sangue. Ele contou que já havia doado antes, mas fazia tempo. “Aproveitei que o Hemocentro veio até aqui”, contou. Os doadores têm direito a um café da manhã antes, se não tiverem lanchado, e outra refeição matinal após a doação.

Doar sangue é um ato altruísta e de solidariedade. A doação é 100% voluntária. Um ato de doar pode beneficiar até quatro pessoas. Para se tornar doador de sangue é preciso ter idade entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos; pesar no mínimo 50 quilos, estar alimentado e evitar alimentos gordurosos três horas antes. Se a doação for feita depois do almoço, a pessoa deve aguardar duas horas. É necessário ter dormido pelo menos seis horas nas últimas 24 horas.

   

ABC- Agência Brasil Central. Rua SC-01, nº 299, Parque Santa Cruz, Goiânia - GO CEP: 74.860-270 Fone: (62) 3201-7600
© Copyright 2015. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Agência Brasil Central.

Privado